Não existe educação sem cultura

Mostras Competitivas – CEFET/RJ – 100 anos

 

Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

O Centro Cultural Cesgranrio participou das comemorações do centenário do CEFET/RJ, promovendo para os alunos da instituição duas mostras competitivas: a de esquetes teatrais e a musical, essa última em duas modalidades (composição vocal e instrumental). 

 

Mostra competitiva teatral

 

“Ato de Coragem”, de André Luiz Pereira Jr. foi a esquete teatral vencedora, escolhida no dia 22 de novembro entre as dez inicialmente selecionadas.

André Luiz recebeu R$ 7 mil para desenvolver o projeto e torná-lo um espetáculo teatral, com consultoria de um dramaturgo e de um produtor teatral. A esquete “No final do arco-íris”, de Victor Prado Siqueira, recebeu mensão honrosa.

Os jurados foram o ator e diretor Márcio Fonseca, o ator Armando Babaioff, a atriz e professora de teatro do Cefet, Ana Paula Lopes e o secretário executivo do Centro Cultural Cesgranrio, Leandro Bellini.

Segundo Armando Babaioff, o projeto é extremamente importante.

– O aluno que faz teatro se torna um ser melhor, aprende a ter mais humanidade. Trata-se de uma experiência de vida que ele discute no palco. É uma arte importante na formação do ser humano – ressaltou.

Leandro Bellini lembrou que não há educação de qualidade desvinculada da cultura, ressaltando, por isso, que a maioria dos projetos culturais da Fundação são desenvolvidos nas escolas.

 

Vencedor

“Ato de Coragem”, por André Luiz Pereira Jr.

 

Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

As dez selecionadas entre as 22 inscritas foram:

Quem disse que fadas não têm problemas – de Ana Luiza Romualdo da Nóbrega

Amor de Mãe – de André Luiz Pereira Jr.

Ato de coragem – de André Luiz Pereira Jr.

Meus Assuntos... – de Cesar de Araújo Fernandes

Flores de um tempo futuro - de Daniel Grimoni

O julgamento – de Francisco, Victor Alves, Marcel e Raphael

Entre o céu e o inferno – de Gabriel de Moura Alves

E se o mundo acabar – de Lucas Flávio de Rezende Gaspar

As portas – de Maria Eduarda Rezende

No final do arco-íris – de Victor Prado Siqueira

 

Mostra Competitiva Musical

 

Já para a Mostra Competitiva Musical, ocorrida no dia 23 de novembro, os vencedores das categorias vocal e instrumental, respectivamente, foram Lívia Ferrete e Gabriel Rodrigues. Eles receberam o valor bruto de R$ 3,5 mil.

Caio Pinheiro e Vitor Adur ficaram em segundo lugar, recebendo R$ 2 mil. Já a composição “Mensageiros do rei”, de Lucas Amorim, recebeu menção honrosa.

A banca de jurados foi composta pelo maestro da Orquestra Sinfônica Cesgranrio, Eder Paolozzi; o chefe da Divisão de Projetos Artísticos do Sistema Firjan, Antenor Neto; e a saxofonista, flautista, compositora, arranjadora e professora de música da instituição Daniela Spielmann

 

Vencedores

 

Mostra Competitiva Musical, categoria vocal

1º lugar: Lívia Ferrete, Luiza Helena, Isabella Silva, Esther Paixão, Arthur Scharf, Caio Kerklaan e Driele Rodrigues – “Eu não sou”

Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

2º lugar: Banda Kenzzy - Bruno Henriques, Davi Maciel, Sanderson Tavares, Caio Pinheiro e Marcelo Soares – “Assinado, Peter Pan”

 Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

Mostra Competitiva Musical, categoria instrumental

1º lugar: Banda Nooma - Rafael Loureiro, Diego Vicente, Pablo Teixeira e Gabriel Rodrigues – “Outro”

Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

2º lugar: Vitor Adur – “NightStairs”

 

Selecionados na categoria vocal entre 43 inscritos

Caio Pinheiro – “Assinado Peter Pan”

José Maurício da Luz Machado – “Do aprendizado à evolução”

Lívia Freire – “Eu não sou” Mensageiros”

Lucas Amorim – “Mensageiros”

Ramiro Gabriel Habib – “ Medo de errar”

 

Selecionados na categoria Instrumental entre 20 inscritos

Alynne Santos – com “Tudo pertence a ti”

Bruno Torquato – “Luz” 

Gabriel Rodrigues – “O outro”

Pedro Lucas – “Delamário's” 

Vitor Adur – “NightStairs”

CONFIRA OS SELECIONADOS 

MOSTRA COMPETITIVA MUSICAL - CATEGORIA 1, VOCAL

NOMEOBRA
Caio Pinheiro
Assinado, Peter Pan
José Maurício da Luz Machado
Do aprendizado à evolução
Lívia FreireEu não sou
Lucas AmorimMensageiros
Ramiro Gabriel HabibMedo de errar

 

MOSTRA COMPETITIVA MUSICAL - CATEGORIA 2, INSTRUMENTAL

 

NOMEOBRA
Alynne SantosTudo pertence a ti
Bruno TorquatoLuz
Gabriel RodriguesO outro
Pedro LucasDelamário's
Vitor AdurNightStairs

Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

Mostra de esquetes: divulgação dos 10 esquetes selecionados


A equipe de jurados do projeto "Mostras Competitivas - Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ" selecionou, nesta quinta (03/10/2017), os 10 esquetes que participarão da  mostra competitiva, em novembro. Confira os escolhidos:

- Ana Luiza Romualdo da Nóbrega (Quem disse que fadas não têm problemas?)
- André Luiz Pereira Jr. (Amor de Mãe)
- André Luiz Pereira Jr. (Ato de coragem)
- Cesar de Araújo Fernandes (Meus Assuntos...)
- Daniel Grimoni (Flores de um tempo futuro)
- Francisco, Victor Alves, Marcel e Raphael (O julgamento)
- Gabriel de Moura Alves (Entre o céu e o inferno)
- Lucas Flávio de Rezende Gaspar (E se o mundo acabar?)
- Maria Eduarda Rezende (As portas)
- Victor Prado Siqueira (No final do arco-íris)

O esquete vencedor da mostra receberá o valor de 7 mil reais* para desenvolver o projeto e torná-lo um espetáculo teatral. Para viabilizar este processo, será também oferecida a consultoria com dramaturgo (1 encontro semanal de 1hora durante 8 semanas consecutivas) e consultoria com produtor teatral (1 encontro semanal de 1hora durante 3 semanas consecutivas).  

*valor sujeito à prestação de contas

 


 

 

A Fundação Cesgranrio, através de seu Centro Cultural, tem o prazer de tomar parte nas comemorações do centenário do CEFET/RJ e apresenta para os alunos e ex-alunos da instituição dois editais de intervenções artísticas.

 

Mostra competitiva de esquetes teatrais


O projeto consiste em um concurso no qual serão selecionados até 10 (dez) esquetes teatrais, autorais e com até 10 minutos de duração cada. (tema livre).

Esses 10 esquetes irão participar de uma mostra competitiva em novembro de 2017, na qual será escolhido um único esquete para ser desenvolvido, com a assistência de uma assessoria especializada, para que se torne um espetáculo teatral.

As inscrições estão abertas de 26 de julho a 15 de setembro de 2017. Confira o edital e veja como se inscrever.


Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

Mostra competitiva musical


O projeto consiste em um concurso musical de obras autorais com duas modalidades:

• Composição vocal (letras em português)
• Composição instrumental

Na modalidade 1 podem se inscrever cantores solo ou grupos.

Na categoria 2 podem se escrever intérpretes solos ou em conjunto.

No caso de bandas ou conjunto instrumentais é necessário que ao menos um dos integrantes seja aluno ou ex-aluno formado entre 2012 e 2017.

As inscrições estão abertas de 26 de julho a 15 de setembro de 2017. Confira o edital e veja como se inscrever.

Mostras Competitivas em Homenagem aos 100 anos do CEFET/RJ - Música e teatro - Fundação Cesgranrio - Centro Cultural Cesgranrio

 

Ao se integrar nas comemorações do CEFET/RJ, a Fundação Cesgranrio reafirma seu compromisso com o binômio inseparável educação & cultura, acreditando que o ser humano não pode ser resumido em um ser lógico, e nem em um ser sensível unicamente. São ambos, de forma simultânea e, portanto, seu desenvolvimento tem de prever a integração entre o desenvolvimento da ciência e da arte, entre o pensamento empírico e o pensamento intuitivo, entre o racional e o emocional, entre o concreto e o abstrato.

Por isso, o ambiente acadêmico não deve ser reduzido ao ensino das ciências, mas se integrar ao abstrato da arte para, então, alcançar seu objetivo de educar e gerar seres humanos mais preparados para interagir com a heterogeneidade do mundo atual.

Pensando assim, a Fundação Cesgranrio reconhece, com este edital, a grande importância do CEFET/RJ, e celebra sua admirável vocação artística, bem como seu grande empenho em trabalhar o desenvolvimento de seus alunos de forma integral.

São convidados todos os alunos e ex-alunos da instituição a tomarem parte nessa celebração preparada com muito carinho e respeito.