Não existe educação sem cultura

2016 – Finalistas Prêmio Rio de Literatura

Prêmio Rio de Literatura - Cesgranrio - Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro

 

2º Prêmio Rio de Literatura

 

Em sua segunda edição, o Prêmio Rio de Literatura recebeu 300 inscrições de autores de todo o Brasil, e irá premiar com R$ 100.000,00 o melhor livro do ano na categoria FICÇÃO e R$ 100.000,00 o melhor livro na categoria ENSAIO.

Voltado também para descobrir novos talentos da literatura no Estado do Rio de Janeiro, o Prêmio Rio novamente elegerá os melhores autores nascidos ou residentes no Estado do Rio de Janeiro que ainda não estejam inseridos no mercado editorial, na categoria NOVO AUTOR FLUMINENSE.

Nesta categoria, o vencedor será premiado com R$ 10.000,00 e com a produção, publicação e distribuição ao mercado de 1.000 exemplares de sua obra.

 

Conheçam os finalistas ao Prêmio Rio de Literatura:

Obras Publicadas – Ficção

NOME ARTÍSTICOTÍTULOEDITORA
ANA MARIA MACHADOUM MAPA TODO SEUALFAGUARRA
ARMANDO FREITAS FILHOROLCIA DAS LETRAS
BERNARDO CARVALHOSIMPATIA PELO DEMÔNIOCIA DAS LETRAS
FABIO WEINTRAUBFALSO TRAJETOPATUÁ
JULIÁN FUKSA RESISTÊNCIACIA DAS LETRAS
LOURENÇO MUTARELLIO GRIFO DE ABDERACIA DAS LETRAS
LUCIA BETTENCOURTO REGRESSOROCCO
MARCIA TIBURTIUMA FUGA PERFEITA É SEM VOLTARECORD
MARCÍLIO FRANÇA CASTROHISTÓRIAS NATURAISCIA DAS LETRAS
MARCUS VINICUIS QUIROGAFAZER-SE FRIDAKELPS
MARTA BARCELLOSANTES QUE SEQUERECORD
MICHELN VERUNSCHKAQUI, NO CORAÇÃO DO INFERNOPATUÁ
RITA MOUTINHOTHEO E MAYIBIS LIBRIS
SÉRGIO SANT`ANNAO CONTO ZERO E OUTRAS HISTÓRIASCIA DAS LETRAS
VICTOR HERINGERAMOR DOS HOMENS AVULSOSCIA DAS LETRAS

Obras Publicadas – Ensaio

NOME ARTISTICO
TÍTULO
EDITORA
ANÍBAL BRAGANÇAREI DO LIVRO - FRANCISCO ALVES NA HISTÓRIA DO LIVRO E DA LEITURA NO BRASIL____
AGUINALDO SILVAO TURNO DA NOITECIA DAS LETRAS
CAETANO W. GALINDOSIM, EU DIGO SIMCIA DAS LETRAS
CRISTINA TARDÁGUILAA ARTE DO DESCASO: A HISTÓRIA DO MAIOR ROUBO A MUSEU DO BRASILINTRÍNSECA
DENISE BERNUZZI DE SANT'ANNAGORDOS, MAGROS E OBESOS: UMA HISTÓRIA DO PESO NO BRASILED. ESTAÇÃO
DENISE ROLLEMBERGRESISTÊNCIA-MEMÓRIA DA OCUPAÇÃO NAZISTA NA FRANÇA E NA ITÁLIAALAMEDA
FABIO ALLONARQUITATURAS FÍLMICAS____
FÁBIO CESAR ALVESARMAS DE PAPEL: GRACILIANO RAMOS, AS MEMÓRIAS DO CÁRCERE E O PARTIDO COMUNISTA BRASILEIROEDITORA 34
JOSÉ RAMOS TINHORÃOREI DO CONGO: A MENTIRA HISTÓRICA QUE VIROU FOLCLOREEDITORA 34
MARQUES DA AMAZÔNIAA QUESTÃO DO ACRE: UM INTRICADO TABULEIRO NA ERA DOS IMPÉRIOS: DAS ENCRENCAS À SOLUÇÃO____
MONICA BAUMGARTEN DE BOLLECOMO MATAR A BORBOLETA-AZUL: UMA CRÔNICA DA ERA DILMAINTRÍNSECA
MURILO MARCONDES DE MOURAO MUNDO SITIADO: A POESIA BRASILEIRA E A SEGUNDA GUERRA MUNDIALEDITORA 34
OLIVIA BYINGTONO QUE É QUE ELE TEM CIA DAS LETRAS
RAQUEL ROLNIKGUERRA DOS LUGARESBOITEMPO
RENATO ORTIZUNIVERSALISMO E DIVERSIDADEBOITEMPO

NOVO AUTOR FLUMINENSE

NOME ARTISTICO
TÍTULO
ANA LUÍSA DE ASSIS
O MESTRE DOS SAPOS
ANDRÉ REGALVENTO AMARELO: A FORTALEZA PÁLIDA
BÁRBARA CALDASSEU ZÉ
EUGÊNIO BORGESANGOLA OBSTRUÍDA
GUSTAVO POLYCARPOCIDADE
LEONARDO VALENTEO BEIJO DA POMBAGIRA
LUDA CAYETANAO AZUL DA HORA 5
MAURÍCIO PÁSSAROAS PAREDES DA CIDADE TORTA
PAULO DE CARVALHOLOGUM, O CAÇADOR DE ALMAS
RODRIGO GOULARTARQUIVO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS
RODRIGO TEIXEIRAGESTOS
SÉRGIO TAVARESA MINHA VÓ FOI A PRIMEIRA VEZ QUE MORRI
SR. NINGUÉMTEORIA DA COMPLETA IRRELEVÂNCIA
T.T. COUTINHOAS MARGARIDAS BRANCAS
TIAGO FRANCOTÃO FÚTIL E DE TÃO MÍNIMA IMPORTÂNCIA